Entrar
Esqueceu a sua senha?
.
 
Você está aqui: Entrada / Members / hugosilva / Alterações Climáticas e suas repercussões sócio-ambientais

Alterações Climáticas e suas repercussões sócio-ambientais

Este evento terá lugar na cidade de São Tomé e Príncipe entre 20 e 23 de Agosto de 2012
Quando 2012-08-20 09:00 até
2012-08-23 20:00
Adicionar evento ao calendário vCal
iCal

O Seminário Internacional "Alterações Climáticas e suas repercussões sócio-ambientais" é uma iniciativa conjunta promovida por investigadores, professores de diferentes graus de ensino e a Direcção-Geral do Ambiente da República Democrática de São Tomé e Príncipe 
Este evento, que terá lugar na cidade de São Tomé entre 20 e 23 de Agosto de 2012, é o produto de um trabalho de reflexão e partilha que resulta de diferentes iniciativas anteriores que tiveram continuidade desde 2006 por iniciativa de um grupo de académicos e investigadores de Universidades e Centros de Investigação oriundos de diferentes países da lusofonia e da Galiza 
Todos os interessados em participar deverão efectuar inscrição, especificando se pretendem apresentar comunicação, enviando o respectivo resumo e palavras-chave (ver secção Inscrição) para o email climatechangestp2012@gmail.com 
Com a realização do Seminário Internacional "Alterações Climáticas e suas repercussões sócio-ambientais" espera-se incrementar o debate sobre a importante temática dos impactos produzidos pelas alterações climáticas a nível mundial, associando as medidas estratégicas, incluindo por via da cooperação internacional, que têm vindo a ser implementadas para os minimizar. Tendo em consideração que este é um tema que, a nível internacional, tem captado atenções a vários níveis, a importância do evento aumenta pela possibilidade de em conjunto, e num espírito de parceria internacional, se refletir sobre os efeitos sócio-económicos e ambientais, procurando partilhar conhecimentos, metodologias e formas de intervenção.
 Dado que este evento dá continuidade a outros anteriormente realizados, os debates centram-se em contextos lusófonos. Mas porque este Seminário é o resultado da organização conjunta com entidades santomenses, em particular com a Direção-Geral do Ambiente, a análise dos impactos nas regiões insulares adquire destaque.
Para além da reflexão e do debate, marcadamente contextual e de orientação mais teórica, com a realização deste evento procura apresentar-se um contributo pragmático, estando prevista a realização de ações de formação e de intervenção in loco com grupos comunitários, de jovens, escolas, representantes da sociedade civil e de entidades públicas.
Tanto a reflexão como as ações a promover são orientadas a partir de grandes eixos temáticos: o mar; as florestas; a biodiversidade; o turismo; as atividades agrícolas; a pesca; a energia; o petróleo; e a Educação Ambiental. Por outro lado, os atores que intervêm na identificação local, nacional e internacional dos problemas e das medidas estratégicas a implementar são entendidos como centrais. Assim, todo o Seminário está focalizado em três grandes conjuntos de atores: os representantes públicos e institucionais responsáveis pela boa governança com capacidade de negociação a nível internacional; os atores da sociedade civil responsáveis pela valorização e promoção da cidadania; as escolas que educando são um dos principais atores reforçadores de valores. 
Dado que São Tomé e Príncipe, enquanto país insular, tem vindo também a manifestar preocupação com estas questões, tanto no que respeita à intervenção local como no estabelecimento de parcerias regionais e internacionais, a participação e o envolvimento da Direção do Ambiente é determinante para a assumpção dos objetivos da ação. 


Os resultados que se espera alcançar são: 

  1. contribuir para uma reflexão alargada e debate crítico e construtivo entre atores locais e internacionais; 
  2. dar continuidade a ações anteriormente iniciadas;
  3. reforçar conhecimentos mediante a capacitação de grupos previamente identificados a nível local e que são considerados como grupos-chave para a promoção de mudanças; 
  4. estabelecer parcerias para o desenvolvimento de projetos com equipas interdisciplinares e internacionais

 

Fonte: http://climatechangestp2012.weebly.com/index.html

Mais informação sobre este evento…

Acções do Documento

.