Você está aqui: Entrada / Ambiente / Resíduos / Políticas

Políticas

 

Desde 2004 que a gestão dos resíduos sólidos urbanos (RSU) no concelho da Maia está directamente a cargo da Empresa Municipal do Ambiente – Maiambiente, E.E.M., por delegação da Câmara Municipal da Maia. 

 

Imagem_Resíduos2

 

A Maiambiente, EEM é uma entidade empresarial municipal criada, em 31 de Agosto de 2001, ao abrigo da Lei n.º 58/98, de 18 de Agosto, dotada de personalidade jurídica, autonomia administrativa e financeira e património próprio, sujeita aos poderes de tutela e superintendência da Câmara Municipal da Maia.

É da responsabilidade da Maiambiente, EEM o serviço de recolha de resíduos sólidos urbanos e equiparados a urbanos, a recolha selectiva de materiais recicláveis e a manutenção da higiene e limpeza dos locais públicos no Concelho da Maia.

Na base da criação desta empresa municipal assentam vários princípios, entre os quais, o rigor, eficiência, transparência e inovação, visando continuamente a melhoria da qualidade do serviço prestado aos munícipes. A Maiambiente EEM recolhe, em média, cerca de 60.000 toneladas de Resíduos Sólidos Urbanos por ano.

O concelho da Maia integra ainda a Lipor – Serviço Intermunicipalizado de Gestão de Resíduos do Grande Porto, uma associação de oito municípios constituída em 1982 com a missão de implementar uma gestão integrada dos resíduos sólidos urbanos na região do Grande Porto.

Na Maia, a participação dos cidadãos é determinante no processo de reciclagem dos resíduos urbanos, a qual se manifesta através da utilização de várias infra-estruturas da recolha selectiva, como os ecopontos, os ecocentros e a recolha selectiva porta-a-porta.

Assim, ao separar os seus materiais e embalagens e ao depositá-los correctamente no ecoponto ou à porta de sua casa, se for o caso, vai permitir que a Maiambiente EEM encaminhe esses resíduos para o Centro de Triagem da Lipor. Neste local os materiais serão mais uma vez seleccionados, fazendo com que cada um dos diferentes tipos de materiais possa ser entregue posteriormente numa empresa para a sua reciclagem.

A fracção dos resíduos que não possa ser aproveitada através dos processos de reciclagem multimaterial e compostagem podem ainda ser valorizados, na forma de energia eléctrica, através do encaminhamento para a Central de Valorização Energética – Lipor II, situada na Maia. Mediante um processo térmico de tratamento controlado, dá-se a recuperação de energia calorífica e a sua transformação em energia eléctrica.

 

 

Para mais informações sobre a Lipor:

LIPOR - Serviço Intermunicipalizado de Gestão de Resíduos do Grande Porto
Apartado 1510
4435 - 996 Baguim do Monte

Tel.: (+351) 229 770 100
Fax.: (+ 351) 229 756 038
ECOLINHA: 800 200 254 (gratuita)

E-mail: info@lipor.pt
Site: www.lipor.pt

Acções do Documento

classificado em: